Porque os clássicos nunca morrem

15 de outubro de 2010

Oscar aos melhores intérpretes de professores

Com 1 Comentario
Ser professor não é fácil e, mesmo sabendo disso, estes profissionais tão distintos continuam a se esforçar para que seus alunos se tornem grandes cidadãos no futuro.

Como boa amante do cinema, será que os professores não mereciam um Oscar só pelo fato de serem professores? Bom, a Academia já fez isso, premiando atores que fizeram papeis educadores. Vamos lá?

Paul Newman interpretou Eddie Felson, um ex-jogador de sinuca que ensinou um novato a ser tão bom quanto ele em A cor do Dinheiro, de 1985. Ou seja, foi professor do personagem de Tom Cruise.


Nesta versão de My fair lady (1964), Rex Harrison interpretou o professor de fonologia, Henry Higgins, e abocanhou o prêmio máximo da Academia.


Robert Donat foi o querido e exigente professor Arthur Chipping no filme Goodbye, Mr. Chips, de 1940.


A grande professora Anne Sullivan (O milagre de Anne Sullivan, 1962), interpretada por Anne Bancroft, não podia ser esquecida.

E o que dizer de Louis Pasteur do filme A história de Louis Pasteur (1935), interpretado pelo grande Paul Muni. Antes das suas descobertas, ele foi professor de Química, não sabiam?

+1

1 comentários:

Adriana disse...

Sidney Poiteir, sensacional.
Não ganhou Oscar por To sir, with love mas poderia, na minha opinião.
Interpretação impecável e comovente.

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial